Duas coisas que boa parte da galera gosta demais: cerveja (óbvio) e praia. A cervejaria Neozelandesa DB Export enxergou uma relação entre elas, uma relação na qual a cerveja salva as praias. Mas hein, como assim???

Então, segundo a cervejaria dois terços das faixas litorâneas do mundo estão recuando. Isto devido a retirada de areia das praias para uso nas indústrias farmacêutica e construção civil, por exemplo. Qual foi a ideia deles?? O raciocínio foi simples, se a indústria está acabando com a areia das nossas praias e nós estamos cheios de garrafas não retornáveis de vidro com as quais não sabemos o que fazer, porque não resolver os dois problemas com uma única solução que colabora com o meio ambiente?! Eis que surgiu a ideia de transformar garrafas de cerveja que iriam para o lixo em areia! Simples não?

E como a garrafa vira areia? Simples, a empresa desenvolveu uma máquina, capaz de esmagar as garrafas até que estas virem areia. Ao inserir a garrafa na máquina, um laser ativa cortadores de aço que trituram o vidro. Cada garrafa gera aproximadamente 200 gramas de areia, bastante semelhante a que encontramos na natureza.

O que eles fazem com a areia? A empresa distribui para construtoras e parceiros comerciais da cerveja, contribuindo assim para a diminuição da extração de areia das praias do país.

Baita ideia né? Lembrando que a DB Export é a mesma cervejaria que há um tempo atrás começou a transformar cerveja em biocombustível, inclusive publicamos matéria aqui no blog. A definição de empresa brother com o meio ambiente foi atualizada.

Comment