É isso aí, VESTIR cerveja, já é possível. Mas como???

Calma, ninguém vai sair pelado, todo lambuzado de cerveja e muito menos com as roupas encharcadas com o líquido sagrado. 

A coisa é científica, nasceu da união de mentes de um cientista australiano, Gary Cass e uma designer de moda, Donna Franklin. A dupla conseguiu desenvolver fibras sintéticas de algodão a partir de cerveja! É “só” adicionar uma bactéria chamada Aerobacter à cerveja fermentada e tcharammm! A bactéria “bebe” a cerveja e a converte em fibra sólida! Bactéria espertinha essa hein??? Trabalhar bebendo cerveja! Ê invejaaa! 

Mas ah... fica tranquilo, esta bactéria é inofensiva, vem da natureza e não é infecciosa na cerveja. Dá pra usar a fibra de boas, ninguém vai ficar doente e muito menos morrer!

O tecido criado a partir da cerveja foi chamado de “Nanollose” pelo cientista. Com a nanollose, a dupla criou um vestido (ver foto abaixo) que vai ser lançado no final do ano, na World Expo 2015, em nada menos que... Milão! É isso aí galera, já pensou se a moda pega (literalmente)? Fashion Week com roupas feitas de cerveja... coisa linda!

Vestido feito com nanollose.

Outra coisa que você deve estar se perguntando... mas e o cheiro? Tem cheiro de cerveja? Não! O tecido não tem cheiro de nada, segundo Cass, e é flexível. O cientista ainda acrescenta que gostaria que a produção dos seus vestidos com esta matéria prima, tão nobre e diferenciada, possa “potencialmente mudar a nossa forma de produzir e usar têxteis”, por se tratar de uma alternativa ecológica na produção de tecidos.

E aí, tá preparado pra sair por aí ostentando uma roupa feita de cerveja?

Até +

Comment